HISTÓRICO

                  A criação e autorização de funcionamento do curso de Licenciatura em Educação Física, pelos Conselhos de Ensino Pesquisa e Extensão e Universitário da Universidade Estadual de Ponta Grossa, aconteceram no ano de 1973. As justificavas utilizadas foram as seguintes: necessidade de atender à demanda existente; preencher um campo que era carente, à medida que existia uma falta de profissionais habilitados para ministrarem aulas nos colégios de Ponta Grossa e região; e, por fim, formar profissionais habilitados para dirigirem as equipes esportivas da cidade e da região, visto que a participação de Ponta Grossa no cenário esportivo Estadual e Nacional era significativa.
                  Após a tramitação junto aos Conselhos Superiores da Universidade, a proposta de criação do Curso recebeu aprovação por unanimidade, cabendo então ao Reitor Professor Álvaro Augusto da Cunha Rocha determinar o funcionamento do Curso de Licenciatura em Educação Física Masculino e o Curso de Licenciatura em Educação Física Feminino, a partir do ano de 1974.
                  O reconhecimento dos cursos aconteceu com o Decreto n. 82.413 de 16 de outubro de 1978, publicado no Diário Oficial da União, n. 16.716 de 17 de outubro do mesmo ano. Inicialmente os cursos foram instalados junto ao Departamento de Biologia do Setor de Ciências Biológicas e da Saúde para posteriormente, em função de uma reestruturação departamental serem transferidos para o Departamento de Educação do Setor de Letras e Ciências Humanas, juntamente com os Cursos de Pedagogia e Serviço Social. Entretanto, com a criação do Departamento de Educação Física em 1987, o Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão entendeu por bem retorná-lo para o Setor de Ciências Biológicas e da Saúde, por considerá-lo um curso com características afetas a esse Setor.
                  Todavia, a Universidade não possuía instalações próprias e nem apropriadas para atender ao seu funcionamento. As dependências inicialmente foram alugadas ou cedidas por clubes, quartéis, estabelecimentos de ensino ou por particulares, o que as vezes não se prestavam para o apropriado desenvolvimento das atividades didático-pedagógicas.
                  Atualmente, após as dificuldades iniciais, o quadro é bastante distinto. As instalações físicas localizadas no Campus de Uvaranas - tais como piscina, pista de atletismo, ginásio de esportes, pavilhão didático, campo de futebol, biblioteca, salas de aula e laboratórios devidamente aparelhados - podem ser consideradas como uma das melhores do Estado do Paraná. Seu corpo docente é constituído por profissionais qualificados para o trabalho acadêmico, possibilitando uma formação adequada aos seus acadêmicos para o exercício condigno da profissão.